Um povo guiado pela solidariedade e pelo acolhimento

Companheiros,
Gostaria de fazer uma pequena partilha, assente na minha crença de que os povos africanos e a sabedoria ancestral encerram uma natureza profundamente filosófica. Infelizmente, existe a tendência de assimilar o conceito de civilização à sua acepção ocidental. Falando da profundidade e do lastro filosófico dos nossos povos, queria partilhar convosco o facto de a própria designação dos povos africanos conter notas básicas da sua cultura, dos valores que defendem, e do seu modo ser e estar. Por exemplo: UMBUNDU, KIMBUNBU, são expressões de identificação de algumas das comunidades BANTU presentes em Angola, também usadas para designar a língua falada por estes segmentos do povo angolano.

Particularidade curiosa, que me parece digna de nota, é que qualquer dessas designações significa “Homem negro, a modo de ser e de estar do homem negro, as características próprias do homem negro”. Claro que o conceito de negro destas designações não deve ser entendido na sua acepção estritamente genética, mas do ponto de vista cultural. Neste sentido, negro quer dizer alguém que faz parte da comunidade.

Deste modo, não se pode defender que um angolano branco, por exemplo, não possa fazer parte dos povos UMBUNDU, KIMBUNDU, KIKONGU, COKWE ou qualquer outro grupo que compõe a nação angolana, desde que aceite, respeite e cultive o modo de ser próprio destas comunidades. Dificilmente poderia ser dito sobre uma pessoa que (re)nega esses valores e princípios (ainda que adaptados aos tempos actuais) e sinta vergonha de ser africano, independentemente da sua tonalidade pigmentária. Estes fariam parte de uma outra categoria de angolanos. Assimilados é a figura conhecida que mais se aproxima a esta categoria, mas esta designação era usada pelo Estado Novo Português. Nos dias de hoje, não vejo que termo usar.
Forte abraço,
António Kassoma “Nguvulu Makatuka”

Faça o primeiro comentário a "Um povo guiado pela solidariedade e pelo acolhimento"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*